Velásquez e o Museu do Prado

O foco de hoje é a Espanha.

Velasquez

“Autorretrato”, de Diego Velázquez. 1640.

Diego Rodríguez de Silva y Velázquez (1599-1660) foi um pintor espanhol e principal artista da corte do rei Filipe IV de Espanha. Era um artista individualista do período barroco contemporâneo, importante como um retratista. A este respeito, alguns críticos o consideram o maior retratista que o mundo já conheceu.

A obra de Velázquez também foi um modelo para os pintores realistas e impressionistas, em especial Édouard Manet que chegou a afirmar que Velásquez era o “pintor dos pintores“. Ele também influenciou artistas mais modernos, incluindo os espanhóis Pablo Picasso e Salvador Dalí, bem como o pintor anglo-irlandês Francis Bacon, que o homenageou recriando várias de suas obras mais famosas.

A grande maioria dos seus quadros estão no Museu do Prado, como:

Velazquez_OTriunfodeBaco

“O Triunfo de Baco”, de Diego Velázquez. 1629 – 165 X 225cm.

“O Triunfo de Baco”,  obra pintada para Filipe IV de Espanha. Baco é representado como o deus que recompensou ou presenteou o ser humano com o vinho. Na literatura barroca, Baco é considerado uma alegoria sobre libertação humana da escravidão da vida diária.

Velazquez_ArendicaodeBreda_1634-35

“A Rendição de Breda”, de Diego Velázquez. 1634 – 307 X 367cm

A Rendição de Breda“, sua única obra com tema histórico. Também conhecida como “As lanças“, a obra é considerada por grande parte dos críticos como a mais perfeitamente equilibrada do artista.

Velasquez_AsMeninas

“As Meninas”, de Diego Velázquez. 1656 – 318 X 276cm

As Meninas“, a obra-prima de Diego Velázques, que foi reconhecida como uma das pinturas mais importantes na história da arte ocidental.

Velazquez_Asfiandeiras

“As Fiandeiras”, de Diego Velázquez. 1657 – 222 X 293cm

E “As Fiandeiras“, primeiro quadro na história da arte dedicado ao trabalho. Esta obra constitui um dos quadros em que é mais fácil identificar a personalidade estética do Museu do Prado.

MuseudoPrado

Fachada frontal do Museu do Prado, com a estátua de Diego Velázquez.

O Museu do Prado é o mais importante museu da Espanha e um dos mais importantes do mundo.

MuseudoPrado2

Interior do Museu do Prado.

Foi concebido por Juan de Villanueva, o arquiteto do rei Carlos III, sendo esta a maior e mais ambiciosa obra do neoclassicismo espanhol.

Após várias interrupções em sua construção, o museu foi inaugurado a 19 de novembro de 1819. Contendo coleções de pintura e escultura provenientes das coleções reais e da nobreza, o museu detinha, aquando da sua inauguração, cerca de 311 obras de arte, todas elas de autores espanhóis.

Atualmente, a coleção de pintura é bastante completa e complexa, existindo neste museu coleções de pintura espanhola, francesa, flamenga, alemã e italiana. Além de Velázquez, encontram-se neste museu milhares de obras de dezenas de pintores como El Greco, Goya, Georges de La Tour, Watteau, Bruegel, Bosh, Rubens, Rembrandt, Durer, Fra Angelico, Botticelli e Caravaggio, entre muitos outros…

MuseudoPrado1

Interior do Museu do Prado. Sala onde se encontra “as Meninas”, de Diego Velázquez.

 Autor: Catherine Beltrão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>