Sobre

O blog ArtenaRede pretende ser o hall de entrada para o site www.artenarede.com.br.  Nele serão postados textos sobre impressões artísticas de seus colaboradores, que poderão servir de pretextos para comentários e discussões dos leitores, pois a Arte nunca foi unânime.

Atualmente, o site está em processo de atualização. Alguns links podem não conseguir ser acessados.

Home site

O site www.artenarede.com.br  é um dos produtos desenvolvidos pela ARTENAREDE, empresa que, de 2002 a 2007,  foi residente  no Programa de Incubadora de Empresas da UERJ, presidida por Catherine Beltrão.

Este site é direcionado para os artistas plásticos e visa a catalogação, a divulgação e a comercialização  de suas obras, além de serviços de comunicação e entretenimento.

O site coloca à disposição dos artistas plásticos um serviço de catalogação de obras via Internet, em que  eles mesmos efetuam a catalogação de suas obras e sua permanente atualização. Dotada de uma  interface muito amigável, o artista não precisa de um especialista em informática para efetuar este  registro.

Vários serviços de divulgação constam do site: o envio de  cartão virtual, em que é utilizada a imagem da obra do artista para ilustrar o cartão virtual a ser enviado; a  impressão de calendário, em que a obra do artista é utilizada para se imprimir um calendário  personalizado; a impressão de papel de carta, em que também a imagem da obra do artista serve de  ilustração no papel de carta impresso; a impressão de cartão de visita, que segue o mesmo processo.  Estas formas de divulgação são inovadoras na medida que oferecem ao cliente novas formas de divulgar  seu trabalho.

Outro serviço do sistema, o de comercialização, disponibiliza para as partes envolvidas – vendedor e  comprador – um espaço para a negociação da transação. Neste, a inovação fica por conta do respeito à  Lei de Direitos Autorais – Lei 9610/98, que reza em seu art.38, “O autor tem o direito, irrenunciável e  inalienável, de perceber, no mínimo, cinco por cento (5%) sobre o aumento do preço eventualmente  verificável em cada revenda de obra de arte ou manuscrito, sendo originais, que houver alienado.” Vale  ressaltar que atualmente esta cláusula não é respeitada no mercado de arte tradicional.

Outros serviços também estão disponíveis no site: ao se cadastrar, o usuário estará automaticamente  inscrito na mala direta para recebimento de Newsletters – boletins periódicos – do site. Mas se preferir, ele  pode cancelar este serviço. O artista também tem a sua disposição um serviço de Noticiário, em que ele  pode divulgar seja sua exposição, seja sua participação em salão ou ainda sua palestra.

Para o usuário artista plástico cadastrado e para os que não são artistas mas exercem atividades afins,  existe também a seção de Classificados, onde são divulgados os serviços/produtos que oferecem:  molduras, telas, tintas, pincéis, cursos, oficinas, restaurações, só para citar alguns.

O site também oferece uma seção de entretenimento, através de seu link Jogos. Nela, qualquer internauta  visitante tem acesso a dois tipos de jogos – quebra-cabeça e jogo da memória -, feito com imagens das  obras catalogadas, o que contribui também para a divulgação da obra do artista cadastrado.

A integração destes vários serviços fazem deste site um produto inovador em vários aspectos, que vão da  catalogação interativa à divulgação das obras dos artistas, fazendo valer o respeito aos seus direitos  autorais por ocasião de sua comercialização, sem esquecer da parte lúdica, jornalística e de comunicação  com o público visitante.

O site www.artenarede.com.br inicia 2014 com mais de 4.600 obras catalogadas de  166 artistas diferentes. Possui clientes cadastrados de todos os estados do Brasil e de mais 8 países,  notadamente Portugal. Mais de 5.300 cartões virtuais já foram enviados com imagens de obras  catalogadas no site e mais de 2.200 comentários constam dos seus Livros de Visitas. Mais de 475.000 visitas ao site!

2 opiniões sobre “Sobre”

  1. Olá…

    Em 2004 enviei uma tela para fazer parte do acervo do museu “Artenarede”…Gostaria de saber se ainda está com vcs, e se faço parte da lista dos artistas. Procurei meu nome mas apenas encontrei a (outra artista Tânia Leal a do Rio de Janeiro). Meu site é (www.tanialeal.com) E a tela que me refiro, chama-se (Felicidade) (e, é a pintura de um casal com uma criança ). Espero não estar enganada… Mas tenho os dados do site Artenarede em meu curriculo. Apenas porque tanto tempo se passou e casualmente encontro o site de vcs novamente e fiquei feliz e curiosa em saber sobre o que aconteceram nestes 11 anos!!!! Um abraço, Tânia Leal (de Curitiba-Pr)

    1. Que bom você ter entrado em contato com o ArtenaRede, Tânia! Com certeza, a sua obra “Felicidade”, doada ao Museu ArtenaRede em 2004, continua conosco e é uma das minhas preferidas. Muita coisa aconteceu nestes mais de 10 anos… é uma longa história, que um dia ainda será transformada em livro. Mas vamos ao que interessa: desde o ano passado, resolvi revitalizar o projeto como um todo: criei o blog ArtenaRede, com mais de cem posts já publicados, também acessado por uma fanpage no FB, este blog servindo também de porta de entrada para o site/sistema ArtenaRede antigo. E continuo acreditando na viabilização do Museu ArtenaRede. Com os novos contatos surgindo, um dia ele sai do projeto.
      No site, você está com 24 obras catalogadas em nome de Tânia Leal Guerino. Elas são acessadas via opção Obras. Quanto a seu nome não estar incluído na opção Artistas, imagino que seja pelo fato de você não ter preenchido os dados referentes à sua homepage no site (exposições, críticas, peritos, etc). Faça isso e vamos ver o que acontece. Você ainda tem o seu login/senha de acesso?
      Um grande abraço, Tânia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

No blog ArtenaRede são postados textos sobre impressões artísticas de seus colaboradores, que poderão servir de pretextos para comentários e discussões dos leitores, pois a Arte nunca foi unânime.